Endodontia (endo = dentro e dontia = dente) é conhecido popularmente como tratamento de canal, esta especialidade da odontologia estuda e trata as estruturas localizadas dentro do dente, chamada polpa dental (conhecido popularmente como nervo), constituída por vasos sanguíneos, terminações nervosas e tecido conjuntivo.

As principais causas que levam ao tratamento de canal são:

– Cáries grandes.
– Traumatismo (batidas e quedas).
– Necessidades protéticas.
– Necessidades periodontais.

Os sintomas mais característicos que levam a um tratamento de canal são:

– Dor espontânea, latejante que aumenta com o calor,
– Sensação de dente crescido,
– Dor ao mastigar.

No entanto em muitos casos temos infecções crônicas (indolores) associadas a dentes cuja polpa sofreu necrose (morte) por cárie ou traumas. Nestes casos, embora indolores os canais devem ser tratados.

O tratamento endodôntico é basicamente a remoção da polpa dentária, desinfecção do canal e a substituição dela por um material obturador.

 

Saiba mais:
» Perda dental por iatrogenia endodôntica